Nos alojamentos das universidades federais, mais vazios do que nunca por conta da Covid-19, há medos e lutas, além de muitas paredes precisando de reboco, pintura e reparos de segurança.

Em 2021, o valor destinado para assistência estudantil no ensino superior, que paga auxílios como alimentação, transporte, médico e moradia, é o menor da década (em valores atualizados pelo IPCA). Desde 2012, chegou ao pico em 2015, com R$ 1.25 bi e, em 2021, está em R$ 865 milhões, uma queda de 31%. Na última década, no entanto, as matrículas nas universidades federais aumentaram em 60%.

— Vivo com R$ 300 que ganho do meu pai. Não consegui nenhum auxílio ou bolsa da universidade. Por isso, comecei a vender doces no alojamento — conta Arícia Vidal, de 26 anos, aluna de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a maior do país.

Na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), houve mobilizações. Um grupo de estudantes da graduação criou uma arrecadação de alimentos para universitários que não conseguiram nenhuma bolsa. Em outra vaquinha, alunas da pós-graduação iniciaram campanha para construir um muro no entorno do alojamento após uma das moradoras sofrer, em março, uma tentativa de estupro na porta do local.

Reitor da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), instituição que tem o maior número de alunos (2.600) em alojamentos, Paulo Burmann diz que os prédios foram construídos há 40 anos e precisam de reformas. Elas começaram em 2020, mas correm o risco de serem interrompidas.

— A menos que haja aumento no orçamento, não vamos conseguir acabá-las — afirma Burmann, vice-presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes).

Segundo o painel de cortes da associação, o valor para investimentos, como reformas de prédios, caiu 70%, comparando 2020 com 2021, de R$ 556 milhões para R$ 168 milhões. Na UFRJ, um bloco inteiro, que nunca havia sido reformado, pegou fogo em 2017 e até hoje não foi recuperado.

O Ministério da Educação alegou que está reunindo esforços para recompor o orçamento da assistência estudantil, o que, segundo a pasta, pode ocorrer “com a evolução do cenário fiscal no 2º semestre”.

Fonte: Agência O Globo

Sisu 2021.2: estão abertas as inscrições

Para concorrer o candidato precisa ter feito o Enem mais recente Estão abertas as inscrições para o segundo semestre do Sistema de Seleção

Combate a Evasão Escolar: Prefeito Marcelo Belitardo sanciona

Teixeira de Freitas: O Vereador Lucas Bocão apresentou recentemente o Projeto de Lei 29/2021 - Programa Agentes de Educação na Câmara Municipal

Encceja 2020: exame será aplicado em 29 de agosto; veja como se

Mais de 1,6 milhão de participantes estão confirmados para esta edição O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Secretaria de Educação de Mucuri premia 45 alunos vencedores da 1ª

Mucuri: A cerimônia de premiação dos alunos que venceram a 1ª fase da 16ª OBMEP - Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas

Encerra hoje (30) o prazo para solicitar atendimento especializado no

Etapa é para participantes que necessitam de auxílio mas tiveram o pedido negado O período de solicitação de atendimento especializado para as

O que é um portfólio e qual sua importância no mercado de

Que o mercado de trabalho anda cada vez mais competitivo e concorrido, nós sabemos. Isso ocorre pois ano após ano o conhecimento da humanidade

Município de Caravelas assume diretoria do núcleo regional de

A eleição foi online, organizada pela UNDIME (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), núcleo da Bahia, segundo critérios de

Ranking aponta as melhores universidades da América Latina

O Times Higher Education mostra que das 10 instituições 4 são brasileiras Quatro universidades brasileiras integram o ranking do Times Higher

Cursos gratuitos de Tecnologia estão com inscrições abertas

Cursos gratuitos de Tecnologia estão com inscrições abertas Cursos são oferecidos a distância e visam capacitar profissionais em soft skills

Fundação baiana oferece bolsas de estudo integrais de

Inscrições começam dia 20 de julho Dez profissionais com interesse em cursar uma pós-graduação na área de saúde terão os estudos custeados

Nossos Apoiadores: