Medida pretende evitar aglomerações nas agências durante pandemia

Previstas para acabarem no sábado (31), as antecipações do auxílio-doença e do Benefício de Prestação Continuada (BPC) continuarão em vigor até 30 de novembro. A prorrogação da medida consta de decreto assinado hoje (28) à noite pelo presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o Palácio do Planalto, a medida tem como objetivo evitar aglomerações nas agências durante a pandemia. Por meio da antecipação, o beneficiário recebe até um salário mínimo (R$ 1.045) sem perícia médica, bastando anexar um atestado médico ao requerimento com declaração de responsabilidade pelo documento no portal do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ou do aplicativo Meu INSS.

Após a perícia médica, o segurado recebe a diferença em uma parcela, caso o valor do auxílio-doença supere um salário mínimo. Instituída em abril, a antecipação do auxílio-doença e do BPC inicialmente valeria até o fim de julho e havia sido prorrogada até o fim deste mês.

No caso do auxílio-doença, o INSS esclarece que o atestado médico deverá ser legível e sem rasuras. “O documento deverá conter as seguintes informações: assinatura e carimbo do médico, com registro do Conselho Regional de Medicina (CRM); informações sobre a doença ou a respectiva numeração da Classificação Internacional de Doenças (CID); e prazo estimado do repouso necessário”, informou o órgão.

No caso do BPC, o INSS disse que a antecipação do benefício será paga com base nos dados de inscrição no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico) e no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF).

“Além disso, para ter direito à antecipação, o requerente deve se enquadrar nas regras de renda relacionadas ao grupo familiar, que pode ser de até um quarto do salário-mínimo. Vale destacar que a antecipação do valor acima mencionado se encerrará tão logo seja feita a avaliação definitiva do requerimento de BPC”, informou o INSS.

Fonte: Agência Brasil

CEJUS e Guarda Municipal estão de novo endereço em Teixeira

Teixeira de Freitas: A Secretaria de Segurança e Cidadania de Teixeira de Freitas entregou na manhã desta sexta-feira, 27 de novembro, o novo

Geração distribuída de energia solar cresce em 118% na Bahia

A instalação de uma placa solar fotovoltaica no telhado no lugar onde mora pode gerar a própria energia e ainda pagar mais barato na conta de

Governo detalha pagamentos e saques do auxílio emergencial

Primeira parcela (Ciclo 5) será paga a partir de 30 de novembro O Ministério da Cidadania publicou, no Diário Oficial da União de hoje,

Estados e municípios poderão pegar mais R$ 2 bi em empréstimos

Limite de crédito passou de R$ 18 bi para R$ 20 bi Os estados e os municípios poderão contrair mais R$ 2 bilhões em empréstimos no

Itamaraty diz que reação da China a Eduardo foi ofensiva

O Itamaraty repreendeu a embaixada da China pelas críticas contra o deputado e filho do presidente Eduardo Bolsonaro (PSL) e disse, em ofício,

Nova crise de Bolsonaro com a China ameaça economia brasileira

As investidas do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), presidente da Comissão de Relações Esteriores e Defesa Nacional da Câmara, contra a China

Biden diz que americanos 'não aceitarão' desrespeito aos resultados

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, advertiu nesta quarta-feira, 25, que os americanos não permitirão que se ignorem os resultados

Ex-prefeito Dapé segue internado em estado grave com Covid-19

Eunápolis: Paulo Dapé, 63 anos, ex-prefeito de Eunápolis, continua internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Ames devido a

Temóteo é punido pelo TCM por atraso no repasse à Previdência

Teixeira de Freitas: Na sessão desta terça-feira, 24, os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) determinaram que sejam feitas

Prefeito Silvio Ramalho é eleito presidente do Consórcio de Saúde

Caravelas: Em seu segundo mandato, o prefeito de Caravelas (BA), Silvio Ramalho, foi conduzido à presidência do Consórcio Regional de Saúde

Nossos Apoiadores: