O Teatro Castro Alves (TCA) prorrogou as inscrições dos cursos online de iniciação ao universo da música sinfônica até as 20h da próxima segunda-feira, 3. As vagas são limitadas e para participar das aulas não é necessário ter conhecimento prévio.

As turmas oferecidas são “A linguagem musical da orquestra sinfônica”, com Alexandre Loureiro, às segundas e quartas-feiras, das 16h às 17h30; “Grandes compositores da música clássica”, com Karina Martins Seixas, às terças e quintas-feiras, das 10h às 11h30; e “Iniciação a flauta doce”, com Uibitu Smetak, às quartas e sextas-feiras, também das 10h às 11h30.

Uma aula inaugural com os três professores – músicos vinculados à Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba) –, para todos os alunos, ocorre no dia 14 de agosto, às 10h.

Para garantir a vaga, por ordem de inscrição, os interessados devem preencher formulário disponível no site do TCA e confirmar o interesse no e-mail enviado pelo órgão. O encontro semanal acontece ao vivo através da plataforma Zoom.

Segundo o TCA, a iniciativa, que começou em maio, já reuniu mais de 1.100 pessoas de 20 estados brasileiros e do Distrito Federal. Da Bahia, houve inscrições de 64 cidades. No começo, eram 80 vagas oferecidas e, devido a procura, o número subiu para 180 contemplados.

As turmas da nova leva já iniciam com mais vagas. Com duas salas por semana de cada curso, serão 370 alunos inscritos no total. A jornada seguirá novamente durante três meses, até o fim de outubro.

O curso é uma parceria entre TCA, Centro de Formação em Artes (CFA) da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb).

CONFIRA MAIS INFORMAÇÕES

A LINGUAGEM MUSICAL DA ORQUESTRA SINFÔNICA

Com Alexandre Loureiro

Turma 1: segundas-feiras, das 16h às 17h30, a partir de 17 de agosto

Turma 2: quartas-feiras, das 16h às 17h30, a partir de 19 de agosto

80 vagas por turma (inscrição sujeita à lotação) | Pré-requisito: maiores de 15 anos

Com objetivo de introduzir o público leigo ao universo da música de concerto, o curso foca na apreciação de obras criadas para orquestra sinfônica e em seus instrumentos. São abordados os elementos da música, as características dos instrumentos de uma orquestra, o papel do maestro, os elementos e sinais básicos constitutivos de uma partitura musical, dentre outros temas, visando a apreciação musical consciente. O curso não objetiva a formação de músicos, mas também é de grande proveito para quem já o é ou deseja ser. O professor e violinista Alexandre Loureiro, bacharel em Música, possui larga vivência em música orquestral, tendo atuado durante muitos anos na OSBA.

GRANDES COMPOSITORES DA MÚSICA CLÁSSICA

Com Karina Martins Seixas

Turma 1: terças-feiras, das 10h às 11h30, a partir de 18 de agosto

Turma 2: quintas-feiras, das 10h às 11h30, a partir de 20 de agosto

80 vagas por turma (inscrição sujeita à lotação) | Pré-requisito: maiores de 15 anos

O curso trata da trajetória de vida de grandes mestres compositores da música erudita e suas principais obras, levando o participante a uma viagem histórica e ampla para conhecer os nomes fundamentais deste universo. Karina Martins Seixas, professora de orquestra, é formada em Licenciatura em Música pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com especialização em Arteterapia (IJBA). Integra a OSBA desde 2000 e promove o projeto “A música e os seus segredos” desde 2010.

INICIAÇÃO A FLAUTA DOCE

Com Uibitu Smetak

Turma 1: quartas-feiras, das 10h às 11h30, a partir de 19 de agosto

Turma 2: sextas-feiras, das 10h às 11h30, a partir de 21 de agosto

25 vagas por turma (inscrição sujeita à lotação) | Pré-requisito: maiores de 15 anos que possuam flauta doce

O curso oferece capacitação elementar em música na execução de flauta doce. Durante as aulas, os alunos recebem noções de execução do instrumento, assim como tópicos de teoria e apreciação musical. A flauta doce, em nível inicial, é de aprendizagem relativamente fácil. Seu mecanismo é simples e sua emissão, imediata. Além disso, é muito acessível pelo seu baixo custo e grande portabilidade. Também é um instrumento de grande versatilidade, pois com ela pode-se tocar música folclórica, popular e clássica. Uibitu Smetak é violinista da Osba.

Fonte: Atarde

Coronavírus: pesquisadores estudam nova forma de testagem rápida

Estudo que envolve brasileiros visa adaptar caneta que detecta câncer Um estudo visa adaptar uma caneta que detecta câncer para identificar

EAD: saiba quais cursos não podem ser feitos a distância

Embora modalidade cresça no Brasil, alguns cursos ainda não são ofertados em EAD A Educação a distância (EAD) tem se destacado por ofertar

Saiba como conciliar teoria e prática nos estudos em casa

Estudar em casa na modalidade a distância requer muita disciplina, já que a flexibilidade nos horários de estudo pode fazer com que o estudante

Pais acreditam que qualidade do ensino caiu na pandemia

Levantamento do DataSenado ouviu 2,4 mil brasileiros no fim de julho Pesquisa do Instituto DataSenado divulgada nesta quarta-feira (12) aponta

Creche Isael de Freitas Correia é entregue pela PMTF no Bairro João

Teixeira de Freitas: Foi entregue nesta quarta-feira (12), o Centro Municipal de Educação Infantil Isael de Freitas Correia (CMEI). A Creche

Extinção da meia-entrada nos cinemas pode prejudicar estudantes

A medida apoiada diretamente pelo Ministério da Economia põe em risco o acesso de estudantes à cultura, segundo o presidente da União Nacional

Instituto Legado seleciona mulheres negras para bolsas em curso MBA

Edital está aberto; as vagas são para formação EAD Em parceria com a Universidade Positivo, o Instituto Legado selecionará três mulheres

Usuários do Fies podem pedir suspensão das parcelas 

Solicitação já pode ser feita por quem estava com os pagamentos em dia. Alunos com atraso devem aguardar. Autor do PL esclarece as principais

Cursos de qualificação profissional têm alta demanda na pandemia

Senai registrou mais de 1 milhão de matrículas em plataforma online A procura por cursos de educação a distância tem aumentado durante a

Escolas municipais do país podem perder até R$ 31bi do orçamento

A estimativa é do movimento Todos pela Educação e do Instituto Unibanco em razão da previsão de uma arrecadação de impostos menor por causa da

Nossos Apoiadores: